O poder das Afirmações (e 3 truques para elas resultarem!)

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email

Aprendi o poder das afirmações positivas ao frequentar o Curso da Louise Hay – “Cura a tua vida, conquista os teus sonhos”.

Compreendi que somos um “íman” humano, e que tudo o que cultivamos dentro de nós é refletido inevitavelmente fora.

Também o terapeuta e autor Gasparetto dizia: “Eu sou a lei”, no sentido de que cada um de nós cria a sua própria realidade com base naquilo em que acredita, sente e faz.

Exemplo: As pessoas criticam-me, rejeitam-me e são altamente intolerantes comigo? Se assim for, significa que a crítica, a rejeição e a intolerância moram dentro de mim. Talvez eu rejeite a forma como eu sou, talvez eu me critique ou seja muito intolerante comigo mesma quando erro. Ou talvez seja assim com os outros. De qualquer das formas, quanto mais vibro nessas frequências, mais atraio para a minha vida situações que têm a ver com elas.

A Lei da Atração diz-nos precisamente isso, que: “semelhante atrai semelhante.”

E, de facto, muitas vezes utilizamos um diálogo interno negativo, que além de nos fazer sentir mal, cria uma realidade que não desejamos:

“É sempre a mesma coisa, não sou capaz
de levar nenhum objetivo até ao fim”

“Tenho imensa tendência para engordar”

“Eu sou fraca e frágil”

“O meu dinheiro vai-se num instante”

“Ninguém quer saber de mim”

“Não tenho jeito nenhum para os negócios”

Ao dizermos estas frases frequentemente a nós mesmas, o que acabamos por criar? Essas mesmas situações!

As afirmações
positivas são utilizadas como uma ferramenta para criarmos uma realidade mais
positiva, gratificante e do nosso agrado
, permitindo-nos:

– Cultivar um diálogo interno positivo;
– Focar na realidade que desejamos criar, em vez de nos focarmos no que queremos evitar;
– Ter mais autoestima e autoconfiança;
– Melhorar os nossos relacionamentos;
– Ultrapassar fases dolorosas com maior aceitação e leveza;
– Criar mais abundância para a nossa vida.

COMO FORMULAR EFICAZMENTE AFIRMAÇÕES POSITIVAS?

  • Primeiramente, foca-te no desejo que queres manifestar (ou seja, no desejo que queres que se concretize);
  • Partindo daí, formula uma frase que seja específica, afirmativa (sem utilizar a palavra ‘não’) e que utilize o presente do indicativo.

Exemplos:
– Se o meu desejo for ter mais autoestima, poderei formular diversas afirmações para tal, tais como: “Eu amo-me e aceito-me tal como sou”, “Eu aprovo-me”, “Eu sou uma mulher maravilhosa”, entre tantas outras.
– Se ambiciono ter uma vida financeira desafogada, poderei criar afirmações como: “Abro-me cada vez mais à abundância”, “Eu mereço a prosperidade” ou “O dinheiro flui para mim facilmente, permitindo-me colmatar necessidades e desejos”.

Compreendes a ideia?

Agora, por vezes as pessoas utilizam as afirmações de uma forma que não é tão eficaz como desejariam, levando a que os resultados acabem por ser mais escassos e impercetíveis.

Daí eu considerar tão importante dar-te 3 TRUQUES que permitirão que as tuas afirmações transformem, DE FACTO, a tua vida. Ora vê:

  • Envolve-te com as afirmações de todas as maneiras e feitios: diz as afirmações olhando para ti mesma no espelho, grava as afirmações em áudio e ouve-as durante o dia ou antes de dormir, escreve-as num caderno várias vezes seguidas, coloca post-its pela casa, imprime imagens que reflitam a essência das afirmações e contempla-as, fecha os olhos e visualiza (e sente) como seria se essa afirmação já se tivesse concretizado…
    O céu é o limite, e sem dúvida que, ao envolveres-te desta forma intensa com as afirmações, irás aumentar exponencialmente o teu poder criativo.

  • Em vez de te focares em várias afirmações simultaneamente, escolhe apenas 1 ou 2 de cada vez, e sê consistente com essas durante algum tempo (alguns dias, por exemplo). Isto permitirá que cada afirmação seja praticada com maior intensidade e intencionalidade. Menos é mais!

  • Não formules uma afirmação que seja para ti demasiado “irreal” ou “longínqua”, escolhe uma que te inspire e que te faça sentir bem.
    É claro que desejamos que as afirmações nos ajudem a ir mais além em direção aos nossos sonhos, porém, se não acreditarmos minimamente na afirmação que estamos a formular, esta não irá resultar!

Exemplo: Estou com uma grave crise de autoestima, e formulo a afirmação: “Eu amo-me muito”, não conseguindo acreditar minimamente que esta frase é verdadeira. Neste caso, faria mais sentido eu formular uma afirmação como: “Gosto cada vez mais de mim”, que é uma frase menos intensa e mais progressiva.
Como referi acima, sentirás que é uma afirmação adequada para ti se ela te fizer sentir bem!

 

Já conhecias o poder das afirmações?

Espero, de coração, ter-te ajudado <3

Sílvia Xará

Deixa o teu comentário

Sobre Mim

O meu nome é Sílvia Xará. Após trabalhar com diferentes tipos de público e contextos, enquanto psicóloga clínica, e de frequentar várias formações na área do desenvolvimento pessoal, foi nas feridas da minha própria história que descobri a minha paixão e missão de vida.

O meu propósito é, assim, ajudar mulheres a (re)descobrirem o seu amor próprio, a cuidarem das suas emoções e a conectarem-se com o seu Feminino.

Posts mais recentes

Segue-me no Facebook

Os meus serviços